Parece que no dia " Aos vinte dias do mês de Outubro do ano de Dois Mil e Dez, "lá," Edifício dos Paços do Concelho, "em" seu Salão Nobre, a reunião pública ordinária, da referida Câmara Municipal do Crato, ela, ela  foi  presidida "sob a sob presidência do seu excelentíssimo Presidente em Exercicío, Fernando Jesus Santos Gorgulho, encontrando-se presentes os Senhores Vereadores Fernanda de Lurdes Pinto Massano. José Correia da Luz e João Manuel Ferreira Farinha".

Mas eram quinze horas. "Pelas Quinze horas o senhor Presidente em Exercício deu inicio à referida reunião".

"(...), a Câmara foi informada que o Senhor Presidente da Câmara está ausente da reunião, uma vez que está a participar em reunião do Concelho Geral da Associação Nacional dos Municípios Portugueses, que se realiza em Coimbra para analisar as implicações nas autarquias locais das medidas contidas na proposta de Orçamento de Estado para 2011 apresentada pelo Governo."

E o blog não estando lá, na cidade dos estudantes, apenas diz, é uma opinião muito pessoal, é mais uns cortezitos que as Finanças Locais, coitadas, elas lá terão que o levar bem fundo, a coisa ao fim de tantos anos, ela parece que não vendo sendo cumprida.

Mas a coisa continuando, a dita reunião, ela seguindo o seu rumo normal "Pôs de seguida à consideração da Câmara a justificação da falta do Senhor Presidente o que foi aprovado por unanimidade."

(...).

"O Senhor Presidente em Exercicío informou a Câmara dos ofícios remetidos pela Casa Civil do Presidente da República, pelo Gabinete do Governador Civil do Distrito de Portalegre, pelo Grupo Parlamentar do Grupo Comunista Português, pelo Grupo Parlamentar Social Democrata, pelo Grupo Parlamentar do Centro Democrático Social - Partido Popular e pelo Gabinete do Primeiro Ministro, acusando a recepção do oficío "Projectos para desenvolver o concelho do Crato e o distrito de Portalegre a apresentar ao Governo e a Assembleia da República - para a inclusão no Orçamento de Estado / PIDAC para 2011", nomeadamente a construção da Barragem do Pisão (Empreendimento para Aproveitamento HIDRÁULICO de fins Múltiplos do Crato); a conclusão do IC13 em toda a sua extensão e com ligação à Fronteira de Galegos-Marvão; a realização da auto-estrada da ligação da 23 à 6; a construção da plataforma logística de Elvas/Caia; a construção da Ponte Internacional sobre o rio Sever (ligação de Portugal-Montalvão a Espanha/Cedillo), (...)".

Bem. O blog "Gavião no Alentejo" diz e pensa que o vai e ficou na referida acta, ao povo da Nobre e vila "Câmara Municipal do Crato" aos políticos e povo da referida praça, apenas a eles deve dizer respeito.
No tocante a este Alentejo, a todos os que gostam destas terras, o blog, o "Gavião no Alentejo" afirma que este edil, este presidente muito tem falado da desertificação desta província, deste Alentejo, e termina, não pode deixar de transcrever, acredita mesmo, que é desta vez a barragem do Pisão vai ser construída, o blog pensa que já são quatro municípios a fazer uma parceria para que ela seja feita.
publicado por DELFOS às 14:19